sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

O ESTOQUE DA STOCK...

Texto soberbo do comparsa Porscheiro...senão vejamos:
"Pensando em tudo o que vem acontecendo na Stock, no que se refere a esse final de campeonato, penso que a posição do Ricardinho seja desvantajosa. E explico. Peguemos a situação de estar dentro de uma equipe, referenciada como sendo co-irmã da outra, como se isso fosse possível nesse meio.

A equipe nº 1 tem como chefe e Engenheiro uma pessoa competente que a comanda exemplarmente sempre colocando seu carro (pelo menos um) nas primeiras filas, tem uma estrutura técnica, de mão de obra e equipamentos de primeira e um piloto que é literalmente afilhado do dono.

A equipe nº 2 tem como chefe e Engenheiro uma pessoa também competente que a comanda exemplarmente, mas não com a mesma estrutura da primeira, não compartilhando com esta, embora co-irmã, de estratégias de corrida por exemplo e cujo piloto é batalhador e velocíssimo, mais ainda que o outro.

Em vias de decidir o campeonato o que vemos então ?

Vemos que na última prova em Tarumã (acima), ficou evidente que as equipes não trabalham conjuntamente e em que pese o fato de ter arriscado uma estratégia diferente poder ter lhes alijado do título, ao contrário, o recolocou na briga direta, sendo óbvio que tal atitude não fora sequer cogitada para a outra equipe digamos...menos interessante.


O que resultou também, no meu entender, uma "punição" ao Ricardinho pela atitude tomada na prova de Brasília (abaixo) se não me engano, na qual ao vivo e em bom e alto som para todo o Brasil, via Globo, recusou-se a fazer a parada de reabastecimento contrariando a ordem do chefe, o que acabou por lhe possibilitar chegar á frente...

...causando um grande desconforto no time mor que desejaria já ter o seu piloto em condições de assumir a ponta do campeonato alí, utilizando-se para o prosseguimento do campeonato o argumento de favorecimento "explícito" ao 1º colocado, desde que da sua equipe, claro.

Acho a sua posição muito difícil dentro da equipe, não tendo sido renovado o seu contrato para 2009, tremendo absurdo, receio e temo pelo deslinde dessa prova no caso dele se sentir, como vem se sentindo, desfavorecido pela equipe.

Isso numa prova que teria tudo para premiar a categoria, em que pese os seus distratores , única viva e em condições de organização aceitáveis no país, bem como o seu mais ilustre participante e vencedor de 12 campeonatos, o grande Ingo Hoffman, que escreveu uma página de ouro e que será lembrado por tudo que fez e nos proporcionou. Espero mesmo, que a sua despedida não seja empanada por atitudes indesejáveis, falcatruas, destemperos, favorecimentos explícitos em ofensa a tudo aquilo que mais queremos qual seja uma disputa limpa e honesta dentro da pista. E que o melhor vença dentro dela e não nos bastidores.
Grande abraço a todos...
Paulo Aidar"

5 comentários:

Chico Bento disse...

meio que rola uma sacanagem com o baixinho de barba. Ricardinho, sem contrato para 2009 e sendo coadjuvante do campeonato do adversário, só lhe resta a baixar o pau, acelera tudo!

Buonanno disse...

Podem falar o que for, mas a Stock ao vivo é um show. O ronco daqueles V8 arrepiam e as disputas são impressionantes.

Primo disse...

Baxinho barbudo liderando desde sempre, e na hora do ´´vamos ver´´, vão deixá-lo a ver navios...bons tempos aqueles em que ter talento resolvia...

Juca Bala disse...

com o apadriamento do #80 pela equipe, o #90 teve que suar o macacão para conseguir ficar aonde está. No alto da rede alimentar e como não poderia de ser, vai ter que roer o sso para continuar lá. Agora ser campeão e não ter contrato pré-assinado é f@#@ com PH...

Roger disse...

VIVA GANHOU QUEM NÃO FEZ POLITICAGEM E NEM TEM APADRINHAMENTO. o GAROTO É DOS BONS, MAS QUASE JOGA TUDO PELO RALO...MAS VALEU A TORCIDA! PARABÉNS AO BAIXINHO MAIS RÁPIDO DE INTERLAGOS...E ESPERAMOS VÊ-LO AO VOLANTE DE UNS DOS CARROS DA EUROFARMA, JUNTO COM MAX WILSON EM 2009.