sábado, 31 de janeiro de 2009

AUTÓDROMO DE MONZA, ON BOARD FERRARI

Vamos tirar, por alguns segundinhos, da aposentadoria o Sr. Michael Schumacher e a Ferrari. O vídeo contém velocidade máximas, força G e número de curvas e seus respectivos nomes...essa é uma "fly lap"!

16 comentários:

F250GTO disse...

Uau! Com esse carro, nessa pista, nesse autódromo, nesse País...
De quebra o alemão sentando a bota...
Porca miséria!

Primo disse...

que música é essa...afeee

Primo disse...

e certamente Don Corleone tava na tribuna....

Buonanno disse...

E sem o Galvão Bueno falando então ficou perfeito.

Salute!

SAHIB disse...

Gostaram, hem seus tifosis...é para não ficar falando que nós tedescos não fazemos política de boa vizinhança!

F250GTO disse...

De vez em quando um tedesco tem uma recaída, finge que tem bom carater...

JackSpeed disse...

nossa!o que foi isso?lembrei de uma corrida do schummy em monza que ele quebrou varios recordes em uma prova só,tipo velocidade maxima e tempo total de corrida!grande video!!

Rafael Dias Santos disse...

É, mas toda vez que vejo uma on board em Monza sinto que falta uma coisa....e sei bem o que, o oval. Ai só me resta ver Gran Prix e delirar. Interlagos esta curta e vai ser retrabalhada.....Monza é intocável ou teremos um retorno aos traçados antigos.... Claro que o mortal oval inclinado ligado a pista é um sonho maluco que não voltará mais....

Buonanno disse...

Rafael você sabe que na Itália há uma associação que luta pela volta das parabólicas?

Você me deu uma boa idéia para um post. Vou procurar e colocar aqui.

regi nat rock disse...

INfelizmente ou felizmente sei lá, outro igual vai ser dificil A F1 tá muito ascéptica.

Roberto Zullino disse...

Vamos entender, a parabólica existe até hoje, é a última curva antes da reta de chegada. Foi onde morreu o Rindt, onde o Emerson bateu e se não me engano palco de um acidente 400 talheres entre o Clark e o Von Trips onde morreram 14, Trips included.
O que se está lutando é pelas curvas inclinadas, outra coisa.
Não acho que essas curvas inclinadas signifiquem muito, foram feitas em 1955 e além de alguns GPs e corridas de esporte protótipos só foram utilizadas no desafio Monzanápolis onde a italianada tomou a maior tinta dos americanos em 57 e 58. Só o Moss de Maserati disfarçada ainda conseguiu chegar em segundo. Os jegues nem deram para saída. No mais, a fama delas vem do filme GrandPrix, que eu vou assistir agora pela ducentéssima vez. Jean Pierre Sarti e Pete Aron rocks.

Buonanno disse...

Posso estar enganado, mas no meu entendimento as curvas inclinadas são as parabólicas. Uma delas saia na reta do bosque. A que está sendo usada hoje é chamada de parabólica também só que não é inclinada.

Acho que é isso.

Buonanno disse...

eu quis dizer reta dos boxes

Roberto Zullino disse...

Buonanno,
Você está enganado, mas não se preocupe que não tem a menor importância, todos estamos uma hora ou outra.

As curvas inclinadas são conhecidas por Monza Banking e já foram objeto de uam "petition online" de alguns anos atrás. Essas curvas não tem sentido prático, a não ser em filmes, pois submetem a suspensão de um carro de corrida a esforços enormes e ao piloto também. Além disso, são muito perigosas, pois a suspensão é anulada pela força centrífuga e qualquer bump causa a perda da dirigibilidade, mais ou menos o que aconteceu com o Jean Pierre Sarti e seu jegue quando um escape saiu de um restardatário. Tivesse ele de Porsche ainda estaria vivo, Porsches tem suspensão dura e confiável, mas isso é problema do diretor do filme, John Frankenheimer.

A parabólica é uma curva plana, é a última antes da reta das tribunas. Olhando em planta se vê que segue uma parábola. Os caras fizeram em parábola porque achavam que um carro percorria parábola e não círculo. Estava errados, todo carro percorre uma curva chamada Clotóide, facilmente encontrada e sua equação na internet.

Joel Marcos Cesetti disse...

Dá a impressão que o cidadão saiu só para dar uma volta no quarteirão,o alemão pilota muitooo.

abs

Eric disse...

Tinha que ser um tedesco para fazer a Mer...ser campeã do mundo de novo....