segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

JEGUE FEROZ

O GP da Cidade de São Paulo realizado ontem em comemoração ao aniversário da cidade de São Paulo teve 1000 quilômetros de extensão. Essa quilometragem corresponde a mais ou menos 230 voltas no circuito de Interlagos, o que já pode ser considerada uma prova de longa duração. Ela foi vencida por um verdadeiro carro de corrida com 13 voltas sobre o segundo colocado um Aldee Spyder. Veja a classificação:
1º. Chico Longo, Daniel Serra e Chico Serra (Ferrari F430), 233 voltas em 6h50min49s278
2º. Jair Bana e Carlos Eduardo Bana (Aldee Spyder), a 13 voltas
3º. V. Rossete, Maurizio Billi, Renato Cattalini e Fabio Greco (Maserati Coupé Cambiocorsa), a 16 voltas
4°. Leonardo Vital, Cleber Faria e Vanue Faria (Maserati Coupé Cambiocorsa), a 17 voltas
5°. Pedro Queirolo e Marcelo Sant'Anna (Maserati Coupé Cambiocorsa), a 19 voltas
6°. Walter Derani, Claudio Ricci e Ricardo Mauricio (Ferrari F430), a 35 voltas
Vamos aguardar as explicações da Casa tedesca para ver o que aconteceu. Se bem que, se as explicações demorarem o tanto que eles demoraram para chegar ontem, só a semana que vem é que teremos notícias.
SCUZI TEDESCHI!

55 comentários:

M disse...

Manchete em todos os principais jornais do Mundo:

SABOTAGEM NOS 1.000 KM DE INTERLAGOS !!!
O resultado está sob júdice !
BBC NEWS
25/01/2008
John Smith, da redação

A Polícia Federal brasileira, contando com a colaboração da CIA, FBI, MI5 e MOSSAD, desbaratou perigosa quadrilha de comedores de sardela !
Os meliantes foram detidos na trattoria da esquina, ainda na posse dos instrumentos usados para sabotar o bólido de Zuffenhausen, que era considerado o favorito a vitória na competição, face ao fraquíssimo desempenho que os jeguinhos tem apresentado neste tipo de prova.
Submetidos a tortura, os fascínoras confessaram que, a mando da alta cúpula de Maranello, introduziram 1 kg de zepolla no tanque de combustível do virtual vencedor.
Apesar de não ser adotada no país, por solicitação expressa do govêno alemão, o Ministério da Justiça estuda a aplicação extraordinária da pena capital nos delinquentes.
Consultado sobre o ocorrido, o presidente Lula declarou não ter conhecimento dos fatos, e que também não tem opinião formada sobre este assunto.

Eric disse...

Enquanto isso nas 24 horas de Daytona,sim 24 HORAS!!!....vitória na geral de Porsche e 1º e 2º lugares também na GT2,com 911 RSR.....

E só treze voltas na frente de um Aldee Spyder???

Nos 500 km,que é a metade da prova de ontem,o 911 RSR(que foi sabotado)enfiou mais de 15 voltas na Ferrarie 30 nesses Aldee.....alias o Eclipse de "fundo de quintal"enfiou um monte de voltas na Ferrari e suas derivadas bizarras,vide Maserati...

Buonanno disse...

Pessoal, me desculpem. Eu demorei para colocar o post sobre a vitória da Ferrari porque eu tive que ficar em Interlagos esperando os Porsche chegarem. huahuahuahua!

Buonanno disse...

Nós já dominamos a F1 faz tempo e estamos nos aprimorando também nessas provas de segunda categoria.

Te cuida Fusconi!

Buonanno disse...

E é bom lembrar que Maserati é da Casa de Maranello também.

M disse...

Deveriam procurar novos nichos de mercado !
Que tal veículos para vender garapa e cachorro-quente ?

SAHIB disse...

O Porsche abria mais de 1 seg por volta...Sorte de principiante! Mais uma que acabou em pizza! Depois que bateram a fita para o compadre aliviar o ritmo da sardela, a azia melhorou dos macarones!

Primo disse...

Segundo consta, Genarino, Dino e Pepe estão desembarcando em Sampa essa semana.
Dizem na ´´Bota´´ que andam preocupados com certos assuntos em ´´terras brasilis´´...o que será?

Buonanno disse...

Aliás, a pista de Daytona está mais decadente que a Casa de Stuttgart.

Ví no Speed Channel uma corrida lá. A pista tem mais buracos do que a Av. do Estado.

Eric disse...

O miltão foi de ferrari para Interlagos...por isso só chegou hoje em casa....sabe como é né....

E outra se DAYTONA É RUIM,MOSTRA O QUANTO OS PORSCHES SÃO RESISTENTES....

Eric disse...

Só para lembrar,e achar que 13 voltas na frente de um Aldee é muito...


Confira o resultado final das Mil Milhas Brasil de 2008:

1º. Max/Marcel/Boesel (I), 11h00min015--SIM 11 HORAS DE CORRIDA!!!!

2º Souza Ramos/Almeida/Piquet (I), a 23 voltas-Eclipse feito em casa

3º. Cleber/Vanue/Vital (I), a 26 voltas-Maserati....26 voltas????

4º. Landi/ Posses/Mesquita (I), a 28 voltas-Porsche GT3 com 4 anos de uso...

5º. Molo/ Minach/Castilho/Molo (I), a 33 voltas-Jegue Italiano-33 voltas,isso mesmo,33 voltas!!!!!!!

Ou seja,tomar 33 voltas do Porsche é pouco né???
E tomar 10 do Eclipse???

Buonanno disse...

Deixando um pouco a gozação de lado, é impressionante como a nossa imprensa não dá a mínima para o nosso automobilismo. Além de ter ido ao dentista logo cedo, eu demorei a fazer o post porque não achava nenhuma notícia sobre a corrida. Na Folha de São Paulo não achei absolutamente nada. Nem uma linha sequer sobre a corrida. Nem na Internet está fácil de achar. Estão falando que a Porsche chegou em segundo, mas não foi isso que eu apurei. Se alguém souber algo, poste aqui.

Eric disse...

E tem mais bando....o Aldee chegou no final só com a 5ª marcha....se tivesse com todas....sei não ficava só umas duas voltas atrás....

SAHIB disse...

E não se esqueçam, se ocorresse como estava previsto, com o Eclipse ou o GT40 na pista, os jeguinhos da sardela não viravam nem placê! E 33 voltas seria o número a ser batido ao final da prova...

Buonanno disse...

É verdade! E se a minha vó não tivesse morrido ela estaria viva até agora. huahuahua

regi nat rock disse...

Vamos lá. Na primeira hora de corrida (que assisti ao lado do mestre Lameirão) lá naquela lage descoberta no meio do autódromo, onde dava pra ver desde a saida do S do falecido até o mergulho , teve uma disputa muito boa entre a Ferrari e o Fuscone. Um irmão pobre (com raiva certamente) atrapalhou bastante o 'rossa' e o inexoravel aconteceu com o Fuscone fazendo uma bela ultrapassagem. Verdade seja dita, o piloto do fuscone tinha mais 'braço' que o piloto da Ferrari, não se pode negar mas, como diz o Lameirão, corrida de longa duração só tem emoção mesmo na primeira hora, depois é uma corrida de regularidade e quem melhor administrar o equipamento, ao final, leva.
Com esse papo de que os fuscones são inquebráveis, que basta lavar que tá novo e que vai pra casa (pô, parece conversa de garota de programa :-)...), abusaram muito no peso da bota e aconteceu o que era inexoravel. Quebraram pelo caminho.
Para não humilhar os demais competidores, as "rossas" ficaram no modo turismo e terminaram o passeio com só 13 voltas na frente do segundo colocado.
E, respondendo ao M, acho melhor chamar o agente 86 e culpar a Kaos pelo infortúnio.
Tanta lambança está mais pra pastelão que.

Buonanno disse...

Então Régis, o Lameirão falou o que eu disse outro dia mesmo aqui no Blog. Que corrida de longa duração é um pé no saco. Dá sono!

Mister M é testemunha que eu falei. Quero ver ele negar agora.

M disse...

Assim como diz o "home", eu num sei de nada...

M disse...

Buonanno,
Sobre a imprensa, o pior é que os poucos que tocam no assunto, passam a notícia sem pé nem cabeça. Umas bestas...
Porisso lancei a campanha: Xingue a mãe do jornalista !

Helio Herbert disse...

Os jornalistas aprenderam com Nelson Piquet"quanto eu levo nessa"

Buonanno disse...

M, o que eles gostam é de dar notícia ruim. Isso eles adoram. Só falam nessa merda de crise e o povo cada vez mais apavorado e retraído. Nesse ponto, concordo com o Lula. Não adianta ficar aterrorizando todo mundo.
Por coincidência, li ontem uma coluna do Rui Castro sobre um evento no Rio de Janeiro com o Roberto Dinamite e o Zico que diz ele fo lindo, mas ninguém publicou nada a respeito. Só querem falar das favelas, traficantes e das mortes no morro.

M disse...

Tem razão !
Tô de saco cheio de ouvir sobre o maldito muro do armazem da bispa de araque...
Temos o dever cívico de tocar a campanha: Xingue a mãe do jornalista !

Carlão #99 disse...

alguém pode explicar essa campanha do Xingue...aportei agora e estou querendo saber do assunto.

Buonanno disse...

Com a palavra Mister M

Jackie disse...

Ai, ai, ai...
Vou interferir a favor do Eric e do Saloma, é tudo verdade o que eles dizem, pois presenciei tudo.

M disse...

Carlão,
Veja a clareza com que nosso grande comparsa Buonano postou aqui os resultados da prova de ontem.
Com os nomes dos pilotos, o carro e o número de voltas.
Veja se você encontra alguma informação semelhante em outro lugar.
Os "reporters", quando escrevem alguma coisa, o fazem de forma errada, e normalmente passam a notícia incompleta.
E, falta de respeito, nem mesmo assinam o nome.
Chega de ler porcaria !
Daí a minha proposta de escrevermos aos animais, xingando as amadas mamães.

Buonanno disse...

M, Obrigado!

Pessoal, não vale xingar a minha mamãe porque eu não sou jornalista de profissão e nem ganho para isso (o que é o pior)

M disse...

Buonanno,
Que fique claro que a execração é reservada unicamente aos maus profissionais !

Gilles 313 disse...

Comparsianos..inicialmente gostaria de dizer que estive em SP e especificamente em Interlagos até sexta feira a noite acompanhando meu amigo e team mate Sergio Burger e nosso amigo comum Paulo Bonifácio no treino noturno e com pneus de chuva para avaliação do Porsche RS nestas condições.

Depois de referido treino, cujo encerramento se deu precocemente e que será objeto de uma longa estória que enviarei para o Comparsa Buonanno avaliar o interesse na pubicção ou não, simplesmente me retirei do local, com o estômago virado.

Ausente portanto de todo final de semana o qual acompanhei mediante informações prestadas a cada hora pelo Sérgio, que de cara informou a quebra da embregaem do RSR e da suspensão do GT3 Cup 996, abrindo caminho para o passeio rosso.

Ligado fiquei também na corrida de Daytona onde competem as equipes de ponta e onde logramos fazer uma corrida fantástica culminando com a vitória expressiva nas categorias, como bem salientado pelo Comparsa Eric.

Por aqui, alijado do terceiro carro, a Porsche largou com seus remanescentes RSR e 996 Cup, tendo em vista a desitencia da RS no treino de sexta,tendo optado Paulo Bonifácio não participar ante as precárias condições do equipamento e tampouco aceitando convite de outras equipes, ao contrário do Ricardinho que resolveu sentar na Ferrari de Derani e Ricci, já cravando o piloto principal em 3 décimos logo no primeio contato com o carro. (Dizem que os reclamos do piloto n•1 da equipe foram ouvidos até em Passo Fundo).

O que dizer então dos 1.000 kilometros? Apenas que corridas são assim mesmo e que "se" a embreagem não tiveese quebrado, "se" a suspensão do outro também não arriasse e " se " a Ferrari conseguisse manter uma uniformidade de desempenho durante os 1000 kilometros, talvez houvesse alguma disputa.

Não existe "se" em corridas e o que vimos foi um legítimo passeio da rossa 430 GT2.

Aos Comparsas vermelhos desde criancinha o reconhecimento pela superioridade e os parabéns pela inconstestável vitória.

O resto, o Buonanno avaliará se vale a pena publicar e que explica, a partir dos bastidores s derrota nesta corrida.

Roberto Zullino disse...

Para quem não quer ler besteiras e nem entrar em sites estrangeiros ou em sites das categorias, tem um site rasileiro mais dedicado a corridas, os outros só pensam na f1 e nas fofocas.
Para quem não conhece, o dono é o Jorge Kraucher, ele vem sempre para Interlagos e se não me engano usa uma cadeira de rodas, vive em Santa Catarina.
www.speedonline.com.br
Uma breve descrição da prova de Daytona:
Um “outro” Donohue venceu a 24 Horas de Daytona
Domingo, 25 de Janeiro de 2009
Aproveitando muito bem a presença de um carro da classe GT à sua frente, o norte-americano David Donohue superou o colombiano Juan Pablo Montoya, e com isto garantiu a vitória do carro número 58 na 24 Horas de Daytona, corrida de abertura da Grand American Series concluída neste domingo.

Com seu feito, Donohue festejou bastante o resultado ao lado de seus companheiros Antonio Garcia, Darren Law e Buddy Rice, que o ajudaram a atingir um resultado mais que perfeito para comemorar a vitória do pai Mark Donohue na corrida de 1969.

O ex-fórmula 1 Montoya e Scott Pruett, que haviam vencido a corrida do ano passado em Daytona, tiveram de se conformar em ocupar o segundo degrau do pódio, para onde foram ao lado dos companheiros Scott Dixon e Memo Rojas na disputa que teve como terceiros colocados João Barbosa, Terry Borcheller, JC France e Hurley Haywood, que se revezaram na pilotagem do Porsche/Riley número 59 da mesma Brumos Racing defendida pelos vencedores.
Brasileiros

Os três pilotos brasileiros na corrida - Raphael Matos, Oswaldo Negri Júnior e Ricardo Zonta -, não conseguiram boas posições na maratona cumprida neste final de semana em Daytona, onde o mineiro Matos foi o 19º colocado, o paulista Negri Júnior o 41º e o paranaense Zonta apenas o 46º.

Use o link para conferir o resultado final da corrida que teve o quinteto Jorg Bergmeister, Andy Lally, Patrick Long, Justin Marks e RJ Valentine como vencedor da classe GT, a bordo de um Porsche GT3.

Planilha de Classificação (desformatada aqui):
Resultado completo da 24 Horas de Daytona
Domingo, 25 de Janeiro de 2009

Pos. Nr Piloto (EST/PAÍS) Pacote Classe Voltas/Dif.
1 58 David Donohue (EUA)
Antonio Garcia (ESP)
Darren Law (EUA)
Buddy Rice (EUA) Porsche / Riley DP 735 voltas
2 1 Scott Dixon (NZL)
Juan Pablo Montoya (COL)
Scott Pruett (EUA)
Memo Rojas (MEX) Lexus / Riley DP 735 voltas
3 59 João Barbosa (POR)
Terry Borcheller (EUA)
JC France (EUA)
Hurley Haywood (EUA) Porsche / Riley DP 735 voltas
4 10 Max Angelelli (ITA)
Brian Frisselle (EUA)
Pedro Lamy (POR)
Wayne Taylor (ING) Ford / Dallara DP 735 voltas
5 2 Scott Dixon (NZL)
Dario Franchitti (ESC)
Alex Lloyd (EUA)
Scott Pruett (EUA) Lexus / Riley DP a 4 voltas
6 16 Timo Bernhard (ALE)
Ryan Briscoe (AUS)
Romain Dumas (FRA) Porsche / Riley DP a 18 voltas
7 99 Jon Fogarty (EUA)
Alex Gurney (EUA)
Jimmie Johnson (EUA)
Jimmy Vasser (EUA) Pontiac / Riley DP a 21 voltas
8 2 Scott Dixon (NZL)
Dario Franchitti (ESC)
Alex Lloyd (EUA)
Scott Pruett (EUA) Lexus / Riley DP a 33 voltas
9 67 Jorg Bergmeister (ALE)
Andy Lally (EUA)
Patrick Long (EUA)
Justin Marks (EUA)
RJ Valentine (EUA) Porsche GT3 GT a 40 voltas
10 66 Ted Ballou (EUA)
Emmanuel Collard (FRA)
Tim George Jr (EUA)
Richard Lietz (AUT)
Spencer Pumpelly (EUA) Porsche GT3 GT a 41 voltas
11 33 Sascha Maassen (ALE)
Phillip Martien (EUA)
Patrick Pilet (FRA)
BJ Zacharias (EUA) Porsche GT3 GT a 44 voltas
12 7 Kelly Collins (EUA)
Paul Edwards (EUA)
Jan Magnussen (DIN) Pontiac GXP.R GT a 46 voltas
13 86 Dominik Farnbacher (ALE)
Eric Lux (EUA)
Matthew Marsh (HKG)
Kevin Roush (EUA) Porsche GT3 GT a 47 voltas
14 57 Jeff Bucknum (EUA)
Andrew Davis (EUA)
Robin Liddell (ESC) Pontiac GXP.R GT a 51 voltas
15 88 Steve Johnson (EUA)
Dave Lacey (CAN)
Robert Nearn (ING)
James Sofronas (EUA)
Richard Westbrook (ING) Porsche GT3 GT a 55 voltas
16 87 Dominik Farnbacher (ALE)
Wolf Henzler (ALE)
Leh Keen (EUA)
Dirk Werner (ALE)
Richard Westbrook (ING) Porsche GT3 GT a 59 voltas
17 69 Emil Assentato (EUA)
Nick Longhi (EUA)
Matt Plumb (EUA)
Jeff Segal (EUA) Mazda RX-8 GT a 60 voltas
18 26 Gerardo Bonilla (EUA)
Jerome Jacalone (EUA)
Joe Jacalone (EUA)
Shane Lewis (EUA)
Randy Pobst (EUA) Porsche GT3 GT a 60 voltas
19 55 Christophe Bouchut (FRA)
Raphael Matos (BRA)
Scott Tucker (EUA)
Ed Zabinski (EUA) BMW / Riley DP a 70 voltas
20 13 Jared Beyer (EUA)
David Martinez (MEX)
Jordan Taylor (EUA)
Ricky Taylor (EUA) Pontiac / Riley DP a 73 voltas
21 32 Patrick Barrett (EUA)
Mike Forest (CAN)
Thomas Merrill (EUA)
Al Salvo (EUA)
Jeff Westphal (EUA) Pontiac GXP.R GT a 79 voltas
22 97 Galen Bieker (EUA)
Ryan Eversley (EUA)
James Gue (EUA)
Tom Long (EUA) Corvette GT a 85 voltas
23 9 Guy Cosmo (EUA)
Jason Pridmore (EUA)
Scott Russell (EUA)
Jeff Ward (EUA) Porsche / Coyote DP a 86 voltas
24 30 Dane Cameron (EUA)
Doug Peterson (EUA)
Bryan Sellers (EUA)
Dion von Moltke (AFS) Mazda RX-8 GT a 88 voltas
25 68 Duncan Ende (EUA)
Josemanuel Gutierrez (MEX)
Steve Miller (EUA)
Chris Pallis (EUA)
Scott Schroeder (EUA) Porsche GT3 GT a 110 voltas
26 89 Pierre Kaffer (ALE)
Giacomo Petrobelli (ITA)
Gabrio Rosa (ITA)
Giorgio Rosa (ITA)
Allan Simonsen (DIN) Porsche GT3 GT a 113 voltas
27 85 Richard Campollo (DOM)
Michael Gomez (EUA)
Daniel Graeff (EUA)
Wolf Henzler (ALE)
Ron Yarab Jr. (EUA) Porsche GT3 GT a 131 voltas
28 70 Jonathan Bomarito (EUA)
Nick Ham (EUA)
David Haskell (EUA)
Sylvain Tremblay (EUA) Mazda RX-8 GT a 144 voltas
29 63 Kurt Kossmann (EUA)
Bruce Ledoux (EUA)
David Quinlan (EUA)
Dan Watkins (EUA)
Steve Zadig (EUA) Porsche GT3 GT a 163 voltas
30 44 Ross Bentley (EUA)
Keith Carter (CAN)
Daniel Harrington (EUA)
Glenn Nixon (CAN)
Steve Paquette (CAN) Porsche GT3 GT a 216 voltas
31 77 Matteo Bobbi (ITA)
Memo Gidley (EUA)
Fabrizio Gollin (ITA)
Brad Jaeger (EUA) Ford / Dallara DP a 231 voltas
32 35 Lawson Aschenbach (EUA)
Hiram Cruz (MEX)
Omar Rodriguez (MEX)
Milo Valverde (MEX)
Lance Willsey (EUA) Porsche GT3 GT a 281 voltas
33 65 Marco Holzer (ALE)
Bryce Miller (EUA)
John Potter (EUA)
Craig Stanton (EUA) Porsche GT3 GT a 356 voltas
34 75 Oliver Gavin (FRA)
Tracy Krohn (EUA)
Eric Van De Poele (BEL) Ford / Lola DP a 361 voltas
35 40 Patrick Dempsey (EUA)
Charles Espenlaub (EUA)
Joe Foster (EUA)
Tim Lewis Jr (EUA)
Jep Thornton (EUA) Mazda RX-8 GT a 392 voltas
36 56 Cesar Campanico (POR)
Luca Drudi (ITA)
Christian Montanari (RSM)
Max Papis (ITA)
Luca Pirri (ITA) Ferrari 430 Challenge GT a 411 voltas
37 21 Jason Daskalos (EUA)
Jim Stout (EUA) Pontiac GTO.R GT a 414 voltas
38 61 David Empringham (CAN)
John Farano (CAN)
Alex Figge (EUA)
Burt Frisselle (EUA)
Mark Wilkins (CAN) Ford / Riley DP a 434 voltas
39 22 Ryan Dalziel (EUA)
Carlos de Quesada (EUA)
Chapman Ducote (EUA)
Jean-Francois Dumoulin (CAN)
Tomas Enge (CZE) BMW / Riley DP a 443 voltas
40 52 Costantino Bertuzzi (ITA)
Joe Castellano (EUA)
Nathan Swartzbaugh (EUA)
Cort Wagner (EUA)
Jay Wilton (EUA) Ferrari 430 Challenge GT a 443 voltas
41 60 Colin Braun (EUA)
Ryan Hunter-Reay (EUA)
Oswaldo Negri Jr (BRA)
Mark Patterson (EUA) Ford / Riley DP a 473 voltas
42 14 Jack Baldwin (EUA)
Claudio Burtin (EUA)
Cory Friedman (EUA)
Mac McGehee (EUA)
Martin Ragginger (AUT) Porsche GT3 GT a 476 voltas
43 31 Romeo Kapudija (EUA)
Bob Michaelian (EUA)
Jim Michaelian (EUA)
Pepe Montano (MEX) Porsche GT3 GT a 490 voltas
44 45 Leo Hindery Jr. (EUA)
Bill Lester (EUA)
Darren Manning (ING)
Kyle Petty (EUA) BMW / Riley DP a 519 voltas
45 64 Jim Lowe (EUA)
Jim Pace (EUA)
Tim Sugden (ING)
Johannes van Overbeek (EUA) Porsche GT3 GT a 534 voltas
46 76 Nic Jonsson (SUE)
Darren Turner (ING)
Ricardo Zonta (BRA) Ford / Lola DP a 576 voltas
47 6 AJ Allmendinger (EUA)
Ian James (EUA)
John Pew (EUA)
Michael Valiante (CAN) Ford / Riley DP a 582 voltas
48 15 Paul Morris (AUS)
Tom Nastasi (BEL)
Boris Said (EUA) Ford Mustang GT a 683 voltas
49 42 Joe Nonnamaker (EUA)
Wayne Nonnamaker (EUA)
Will Nonnamaker (EUA)
Joe Sahlen (EUA) Corvette GT a 711 voltas
50* 43 Joe Nonnamaker (EUA)
Wayne Nonnamaker (EUA)
Will Nonnamaker (EUA)
Joe Sahlen (EUA) Corvette GT a 735 voltas
51* 34 Lawson Aschenbach (EUA)
Hiram Cruz (MEX)
Omar Rodriguez (MEX)
Milo Valverde (MEX)
Lance Willsey (EUA) Porsche GT3 GT a 735 voltas
52* 7 Timo Bernhard (ALE)
Ryan Briscoe (AUS) Porsche / Riley DP a 735 voltas



Confira também:

Buonanno disse...

Gilles313 publicaremos sim, sem dúvida.

Como eu lhe disse na primeira vez que nos encontramos, tudo que vem dos bastidores interessa e muito.

Nessas horas a gente deixa o fanatismo e as brincadeiras de lado, é claro.

Você mandará via sub-blog?

Buonanno disse...

Zullino sua participação aqui no nosso blog é muito bem vinda.

Não o conheço pessoalmente, mas sei do seu conhecimento automobilístico.

Obrigado pelas dicas e apareça sempre, porque todo dia tem gozação aqui.

Gilles 313 disse...

BUONANNO :Mandei no seu email...vc avalia ok ?

vitão disse...

é lógico que o fanatismo é só aparente....sempre estamos brincando , ou tem gente que nos leva a sério?

M disse...

Grande Zullino !
Informação de primeira ordem !

Buonanno,
Precisamos segurar este "hôme" no comparsas !

Vitão,
Reparou onde aparece uma rossa na classificação final de Daytona ?
Que lavada, heim ?

Buonanno disse...

M, sim sem dúvida!

Esperamos os comentários dele aqui todo dia. Se quiser contribuir com algum material será sempre bem vindo. É só não falar mal de Ferrari que tudo bem. hehehehehe

Roberto Zullino disse...

Meus caros, acho que vai dar problema.
Apesar do no Zullino ser da Basilicata, italianíssimo, devo ser uma ovelha negra, sou Porschista e BMWsista e não gosto da equipe mafiosa.
E tem mais, ao invés de ter passaporte carcamano tenho passaporte lusitano.

Mestre Joca disse...

Sei que a culpa não é do Buonanno mas sim do mau profissional que divulgou -porcamente - a lista dos classificados finais. Erro crasso na segunda posição: os curitibanos Jair e Carlos Eduardo Bana (pai e filho) correm de PROTÓTIPO PREDADOR,motor Opel 2 litros, projetado e construído por eles e um dos mais eficientes da Classe III, a principal dos protótipos nacionais.
Para quem falou que a onda é ir devagar, uma informação de cocheira; o protótipo "caseiro" virou todas as 220 voltas abaixo dos 1m46s, sem nenhum problema, absolutamente impecável.
Nada mal para um protótipo nacional...
Se eu que fiquei em casa, comemorando os 30 anos do meu filho sei disto, era o dever de quem é pago para informar pelo menos fazê-lo direito.
Claro que me refiro ao "assessor de imprensa" responsável pela emissão dops boletins e não ao bom Buonanno que fez este "esforço de reportagem".

SAHIB disse...

Demorou mas chegou...manda vê Zullino!
Sahib=Saloma

Roberto Zullino disse...

Saloma,
Eu não sabia da existência, mas aí alguém me falou que tinham uns delinquentes, principalmente um que o nome começa com ro e termina com meu, falando mal da Casa de Zufenhausen e falando bem da equipe mafiosa. Só me restou vir ajudar a defender os tedescos.

Primo disse...

como diria o Eric...CARAI...agora o bicho vai pegá !!!

F250GTO disse...

Porscheiro é tudo humorista mesmo.
Nós estamos falando dos 1000 kms de Interlagos, da lavada da FERRARI, das quebras dos inquebraveis, os mesmos carros que durante toda a semana falaram que tinham 450 cavalos no motor, 380 nas rodas, 250 na embreagem...Tinha cavalos até no estepe.
Só que depois de algumas voltas a cavalaria se espalhou toda pelo autódromo, acho fugiram todos os cavalos no "S" do Senna.
Quebrou a embreagem, arriou a suspensão...e os Fuscones foram ficando pelo caminho.
Daí, os tedeschi vem com a história das 24 horas de Daytona, vem a série de "SE".
Se a embreagem não fosse velha, se a suspensão não tivesse estranhado o piso, se o piloto do Fuscone não estivesse com frieira...
Voces são hilarios, morro de rir.
Duplamente.
Pela esmagadora vitória da Rossa 430 e pelas desculpas engraçadas dos tedescos.
Bem deixem de gracinhas, façam como o nobre causídico Gilles 313, que reconheceu que o dia era Rosso.
Só lembrando a voces que o que fica é o RESULTADO.
O que vai para as ESTATÍSTICAS e para a HISTÓRIA é o seguinte:
Dia 25 de Janeiro, em comemoração aos 455 anos da Cidade de São Paulo, foi realizada a prova 1.000Kms de Interlagos.
Os vencedores pilotavam uma FERRARI F 430.
Pernacchia Tedeschi!
FORZA FERRARI!

F250GTO disse...

Zulino traditore!
Toma tua linha, abre os olhos comigo!
Sei onde voce mora, por onde anda, e onde se "concentra"...
Tem muito telhado desabando por aí...

El Chueco disse...

E o Fusca (fusca de verdade mesmo...) do Nilson Cintra e seu filho Beto ficaram em nono na geral, e primeiro lugar na categoria IV.
Nada mal para um fusquinha, hein?
Se andasse na Superclassic, iria estar lá na frente junto com o Malanga...

Roberto Zullino disse...

F250GTO,
Também sei onde você se concentra e depois vou lá fazer um monte de MALCRIAÇÃO.

Sou porschista desde criancinha, devo ter sido trocado na maternidade.

Mudando de pato para ganso, não fui nessa corrida, mas acho que temos um problema bem grande nessas corridas de endurance. Podem reparar, faz tempo que os grids estão muito magros mostrando que algo está acontecendo. Na realidade, a chegada de máquinas mais modernas espantou os "garagistas" tupiniquins que não vêm muita chance. Será só isso ou tem mais coisas?

Buonanno disse...

Zullino a última vez que ouvi falar sobre isso foi nas Mil Milhas. Diziam que a taxa de inscrição era caríssima justamente para tirar os garagistas da jogada.

Não sei quanto a esses 1000KM, mas acredito que muito por conta da crise. Quem tem patrocínio nos dias de hoje, não é mesmo?

F250GTO disse...

É verdade Zullino.
Os grids estão cada vez mais mixurucas.
Eu sempre achei um erro as medidas para afastar os "garagistas".
Principalmente quando resolveram "elitizar" as Mil Milhas desvirtuando completamente a origem dessa prova.
E deu no que deu.
Hoje não temos nem uma coisa nem outra.

F250GTO disse...

El Chueco tem razão.
O Fusquinha (de verdade) andou uma barbaridade e chegou até o final.
Coisa que não aconteceu com os Fuscones de Zuffen...(Cazzo nem sei escrever isso)

Roberto Zullino disse...

Pode ser a crise, mas nossa equipe não consegue participar de corridas de endurance há pelo menos uns dois anos, bem antes da crise.
Uma equipe vive de pilotos que alugam carro e a maioria deles desistiu ao ver que não tinha muitas chances. PAra mim, a última corrida realmente cheia e legal foi a Mil Milhas de 2003, aquela que o Viper dos italianos ganhou. Nessa corrida tinha de tudo, uma bela zona como deve ser uma Mil Milhas.
Depois disso, foi tudo ladeira abaixo.

Helio Herbert disse...

O grande Show na minha opinião são os garagistas,não podemos esquecer que o saudoso Avallone um dia foi garagista,tantos outros nomes famosos no automobilismo foram garagistas,os grandes talentos se desenvolvem mais nas dificuldades.

F250GTO disse...

Aí é que está.
Não se pode ser contra a vinda de equipes de fora, carros modernos, pilotos de ponta, etc.
A caracteristica principal das Mil Milhas é exatamente aquilo que o Zullino chama de "bela zona".
Corre-se de tudo.
O problema é que quando internacionalizam a bagaça os brilhantes "dirigentes" (?) do nosso automobilismo, acham que tem criar taxas absurdas, exigencias e burocracias que afastam os chamados "garagistas", justamente aqueles que engordam os grids e dão colorido na coisa.
Daí largam 16 ou 17 carros numa sonolenta prova de 1.600 quilometros.
Na segunda volta espalham os carros pela pista e na chegada tem 4 ou 5 carros.
Uma beleza!!!

Gilles 313 disse...

Enquanto não houver uma restruturação total no esporte esse tipo de coisa continuará contecendo.

Falta categoria de fórmula, falta categoria turismo de entrada, falta apoio de montadora, falta apoio ao kart, falta tudo enfim.

A inscrição dos 1000 KM foi de R$ 5.000,00 para uma corrida desta distância se realizando no domingo, com zero de disputas.

Enquanto não mexer a partir da base tudo continuará como antes,ou seja, sem interesse.

F250GTO disse...

RS$ 5.000,00 de inscrição?
Acho que eu não preciso comentar mais nada...

M disse...

Aderindo a ganância dos cartolinhas, o "sindicato-dos-mecânicos" tabelou a assistência na pista em R$ 20.000,00 !
Não é piada ?
Parece que, finalmente, os palhaços estão cansados de pagar para entrar no circo.
A saída é boicotar MESMO !
Gostaria de ver quanto tempo cartolinhas & mecânicos sobrevivem sem o $$$ dos pilotos.

Gilles 313 disse...

Orçamento básico:

Inscrição: 5.000,00
Pneus: 35.000,00
Pneus chuva: 12.000,00
Equipe: 20.000,00
Peças : 30.000,00
Combustível: 3.000,00
Treinos: 10.000,00
Panca: Mastercard

Então, para uma prova de 1000 kilometros , em São Paulo, largando as 13:00 de domingo (muita visão mesmo !) e chegando às 20:00 do mesmo dia (cegueira total) e zero de retorno é isso aí que se gasta.

Depois de desembolsar 770,00 de carteira.