terça-feira, 13 de janeiro de 2009

PORSCHE - THE END IS NEAR

As coisas não andam nada bem para a turma de Stuttgart. Este mês, a revista Car and Driver traz uma reportagem questionando se a adoção dos câmbios eletrônicos de dupla embreagem, sem a tradicional alavanca de mudanças, pode diminuir o prazer da condução esportiva. Para isso, fez um teste prático no tradicional circuito de Laguna Seca com dois carros bem conhecidos por todos. Uma BMW M3 e um Porsche 911 Carrera. Como não poderia deixar de ser, o teste acabou virando mais um comparativo entre os dois tedeschi e o resultado trouxe uma surpresa. O não tão famoso e muito mais barato M3 foi melhor e mais consistente em praticamente todos os itens apresentados. Foi mais estável, teve mais torque, uma velocidade final maior na reta principal do circuito e, motivo do comparativo, teve o funcionamento do câmbio melhor. Dê uma olhada na tabela abaixo com os resultados finais.



Pior de tudo, o veredicto da revista deverá deixar os executivos da Fuscolândia de cabelo em pé. Em resumo, os editores acharam que, apesar de toda a tecnologia embarcada, o Porsche não deixou de ser aquela 911 da velha escola com seus já tradicionais defeitos. Já a BMW recebeu elogios para o emocionante pacote de opcionais, o maravilhoso grip e principalmente o preço baixo.
Te cuida Fuscone!

(Reprodução Car and Driver)

7 comentários:

Felipão disse...

Essa foi totalmente inesperada...

Que o pessoal em Stutgart olhe com bastante carinho pra esse teste e não fiquem com birra...

paulo aidar disse...

uaaaaaahhhh (bocejo...)

vitão disse...

Deve ser excesso de consumo de oregano na pizza....

Pé de Chumbo disse...

Ô Vitão...
Oregano na pizza?

E a maresia, como fica?

M disse...

Pessoal,
Mas esta BMW é mais feia do que acoxar a mãe no tanque !
Quanto ao Porsche, nem sei o que dizer ! Talvez seja consequencia da heresia do motor a água, dando algum curto-circuito com o excesso de fios do brinquedinhos.
Como defensor ferrenho que sou da ELETRÔNICA DESEMBARCADA, rompí com os engenhos de Zuffenhausen no dia que enfiaram a maldita K-Jetronic nas baratas.

Speed disse...

A atribuição de notas pode ser muito subjetiva. Por exemplo, se julgarmos o conforto, é óbvio que um sedan é muito melhor que um cupê 2+2. Olhando o quesito “Powertrain”, objeto principal do teste, quem ganhou foi o Porsche! No quesito “Chassi” foi “pau-a-pau”, ficando o quesito “Vehicle”, com itens muito controvertidos como o exemplo acima, houve naturalmente larga vantagem para o tipo de veículo que é o BMW. A foto mostra claramente que tem mais presença. Não desdenho da BMW, gostaria muito de uma dessas, mas tendo a grana, sem dúvida compraria o Porsche.

Cuore Sportivo disse...

E ainda falam que evoluem o "mito". Na realidade, é papo para boi (ops) dormir.