sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

ENJÔO

Muito provavelmente pela proximidade do início da temporada de F1, estão circulando na Internet fotos de iates e barcos que atracam em Mônaco para a corrida mais badalada do planeta. Ao ver essas fotos, surge uma questão: Ter um barco ou um iate vale a pena? Algumas pessoas dizem que quem compra barco tem duas alegrias: Uma quando compra e a outra quando vende o mesmo. Outras disseram que o barco proporciona grandes momentos de lazer. Entretanto, o que é unânime é que os gastos com o “brinquedo” são astronômicos. Para se ter uma idéia, um iate de 76 pés - 23 metros aproximadamente – custa algo em torno de sete milhões de reais. Seu custo mensal gira em torno de R$15.000,00 para ficar parado! Se navegar for preciso, ele leva em seu tanque 5000 litros de diesel, o que significa a bagatela de R$10.000,00. Dá para ir a Angra dos Reis e voltar. Algumas pessoas aqui no Brasil possuem iates de mais de 100 pés. A grande questão é: Você gostaria de ter um barco ou um iate ou preferiria investir numa coleção de carros?

19 comentários:

911 Turbo disse...

Vixe...sem sombra de dúvidas uma coleção de responsa....

7 milhas....dá até para ter um 917.....mas acho demais da conta....um 959 tá bom...hehehehehe

Primo disse...

Barco bom é barco de amigo que tem amigas...

M disse...

Estes navios são ostentação !
O mar é duca. Prá quem gosta, uma 32/37 pés é a medida certa, onde 2 casais podem se acomodar na boa e a manutenção não aleja.
Angra é o paraiso para ter uma lancha. O que me cansou foi a estrada. Ir e voltar é um masacre !

Luca disse...

Tô com o Primo ...

Anônimo disse...

7 milhas e meio para um de 23 m só se for o casco puro e movido a remos...

Pablo disse...

CARROS!!!

jovino disse...

Uma vez recebi um email com fotos e dados a respeito do Iate do Nelson Piquet, seus gastos e ainda tem um helicóptero que vai junto ao Iate, é coisa de milionário mesmo.
Jovino

Helio Herbert disse...

Não troco o meu Iate inflável por nada,nem aceito ofertas no meu patinho de borracha...
Quando garoto com uns 12 anos meu pai tinha uma lancha pequena modelo Lotus muito divertida manutenção barata,so andava em agua doçe,tenho saudades.
Hoje preferiria toda grana em cerveja e fusca antigo.

Aun disse...

Um barco com certeza!

Carro é que nem sapato. Não precisa de uma coleção deles para andar. Apenas um bom e confortável é o suficiente. Quem sabe dois para variar em festas ou ocasiões especiais.

Eu costumava andar em uma Cigarrette 36" nas praias de Bertioga e São Sebastião. Uma delícia que não tem igual. Também andei muito em um barcos menores e se desse, se meu dinheiro pudesse, tinha um com certeza.

jonny disse...

Prefiro uma barca.
E para andar na água, um Hobie Cat tá de bom tamanho.

Pé de Chumbo disse...

Meu sobrinho comprou uma lancha com motor de centro (V8) pra 4/6 pessoas, que gasta 75 litros de gasolina por hora.
Quero ver quanto tempo ele vai aguentar a brincadeira...

Eu mesmo, prefiro um veleiro com um motorzinho pequeno, só pra atracagem...

911 Turbo disse...

Meu pai teve uma Diamar 22 pés...a gente rebocava no Monza até a Guarapiranga....era bem legal dirigir a traquitana.

911 Turbo disse...

Alias,um Jet já é delicioso...andei outro dia num jet de amigo....215 hp....carai....parece uma CBR 1000 na agua.

M disse...

Pé !
Este é mesmo o caminho. Hoje tô nesta.

tulyo cruz disse...

Acredito que quem tenha um barco desses com certeza tem uma coleção de carros!

Helio Herbert disse...

Ana Maria Brega coleciona Maridos...e não Carros...

Roberto Zullino disse...

Barco bom é o dos amigos.

Belair disse...

Eu já tenho.Quem quiser ver,estará em Maio disputando a 2a. etapa do camp. de regularidade em Interlagos.Minha barca é uma preta,com um "embrema" na popa escrito ES300.Visitações no Paddock antes da prova;espero vocês lá...

vitão disse...

1- um barco até 48 pés e uma coleção de uns 8 carros tá bom.
2- Belair, se o serviço for melhor que o da MSC cruzeiros - aquela da diarréia coletiva em Salvador, pode ser interessante.