terça-feira, 10 de março de 2009

O SOM DO COMPARSAS - DEEP PURPLE


Tomei um puxão de orelhas por ter deixado passar em branco a presença dos dinossauros do DEEP PURPLE em Sampa no fim de semana...taí os ´´meninos´´ e a histórica ´´Highway Star´´.
Com a palavra, a dupla Jonny & Jovino.
(dica do Jonny e do meu rebento Dudu)

13 comentários:

jonny disse...

Esse solo é foda...quem tá tocando?
Blackmore novinho ou Steve Morse?
Putz, acho que é o Bolin..
Jovino,dúvidas, algumas...

Mas ver(e ouvir) o Ian Paice sempre presente detonando as baquetas no meio de tudo, melhor professor de rock não tem. Tá nos meus Top 5. Ou 10.

Gilles disse...

Gosto de Perfect Strangers e Sometimes I feel like screaming..

Jovino disse...

Jonny, o guitarrista é o grande Blackmore com aquela formação clássica deles, Ian Paice na batera, John Lord nos teclados, blackmore na guitarra, fiquei em dúvida quanto ao baixista, pois está muito escuro, se é Roger Growe ou Glenn Hughes (grande gogó)pelo filme é bem provável que seja o Roger Glover.
Mas o primeiro vocalista foi o Rod Evans, pois muitos pensam que foi o Ian Gilan, e que teve também o David Coverdale (o meu preferido)como vocalista da banda.
O Bolin teve uma passagem rápida pelo grupo, pois veio a falecer logo e o Blackmore formou uma banda chamada Raimbow, que tinha o grande batera Cozy Powell e o vocalista Ronnie Dio.
Dentre tantos sucessos deles, o que mais curti foi Smoke on the Water (um clássico).
Agora, de todos os vocalistas que o Deep Purple teve o mais carismático foi o Ian Gilan, é impressionante como os pais daquela época colocavam o nome nos filhos de Ian, outros, de Gilan, em homenagem ao grande vocalista.
Jovino

jonny disse...

O mais legal foi ver as fotos na Folha on line no sabado...Ian Gillan com seus tantos anos mandando ver, descalço no palco (ele não usa Crocs, huahuahua)
Meus preferidos são Burn, Smoke on the water, My Woman from Tokio, Child in Time, Perfect Strangers, Hush, Lazy e mais um monte.
Do Rainbow tenho os 2 primeiros vinis, muito bons tb.
Mas Purple é Purple, não tem pra ninguém.

Highway Star foi usada recentemente no lançamento da Renault Scenic, lembram? Na versão original e como canto gregoriano, pra mostrar a tecnologia nana nenê.

Sergio Villarim disse...

Um dos (muitos) petardos do album "Machine Head", na minha humilde opinião, o melhor da banda, gravado em Montreaux, Suíça, utilizando a umidade móvel de gravação dos Rolling Stones (fato cantado em Smoke on the Water). A partir desse álbum (com ou sem acento??) foi pro espaço minha carreira de pianista clássico. Queria fazer exatamente o que mestre Jon Lord fazia...

jonny disse...

Pois é, foi o que o Jon Lord fez, hehehe...O Machine Head é um ícone dos anos 70, todo mundo deveria ter em casa...ou no carro. Confesso q voltei aos 14 anos ontem a noite, qdo vi o post...bons tempos esses!

Jovino disse...

Sergio, o Deep Purple produziu muitos discos bons, inclusive este que você citou, eu adoro o Deep Purple Made in Toquio, album duplo. A partir deste disco, descobrimos uma nova cultura em termos de comportamento, de manifestação do público. Na faixa Smoke on the water, quando eles terminam de tocar numa pancada só, há um silêncio de uns 4 ou 5 segundos do público japonês, que dava um tempo antes de vibrarem.
Assisti eles a alguns anos aqui em Brasília com sua formação original, sem o Blackmore e os caras ainda tocavam muito. Semana que vém tem o Iron Maiden, se não tiver muito cheio vou dar uma passada por lá que vai ser no Estádio Mané Garrincha.
Jovino

Jovino disse...

Desculpe, acho que o nome era Made in Japan
Jovino

Primo disse...

Caralho...por isso gosto de postar sonzeira classuda aqui e esperar as feras comentar...show de bola!
Obrigado comparsas rockeiros...vcs são Foda !!!

Primo disse...

Pela brilhantismo dos comentarios vcs merecem...digam aí o que querem que eu post aqui !!!

Jovino disse...

Primo, tem tantas coisas, mas o que eu estou lembrando agora e não sei se você ainda postou aqui que é o Bob Dilan, quem sabe você não ache alguma coisa do disco "Desere" ou o albino Jonny Winter para pirar um pouco os comparsas.
Jovino

Sergio Villarim disse...

Jovino,
Concordo plenamente: TUDO que o Purple fez é ótimo, mas eu prefiro a formação clássica, com Pace, Gillian, Lord & Blackmore (se bem que "Burn" é excelente, com Coverdale e Hughes nos vocais...). A propósito, o disco se chama "Made in Japan", mesmo e é OBRIGATÓRIO em qualquer discoteca que se preze. Várias versões ao vivo das músicas do Machine Head conseguem ser melhores ainda ao vivo...
Falando em Johnny Winter, que tal Jumpin' Jack Flash pelo albino ou Frankenstein pelo mano Edgar Winter??

Êita post porreta!!!!!!

jonny disse...

Alguma coisa do Steve Miller Band tb seria divertido...o cara tem vários "highway american hits!.