quinta-feira, 10 de setembro de 2009

FERRARI F430 x MERCEDES S65 AMG


Sedã de luxo com vocação familiar, apimentado pela AMG, deixa para trás um autêntico esportivo italiano: confira (e entenda) o dia em que o Mercedes S65 AMG deu um pau na Ferrari F430...
(reprodução)

17 comentários:

JackSpeed disse...

blá,blá,blá...que bobagem comparar um V12 biturbo com um V8 aspirado.queria nas curvas e frenagens se a mercedona seria parea,como dizem ninguem chuta cachorro morto,essas tentativas de denegrir as rossas nao tem efeito pois Ferrari é Ferrari o resto são apenas carros.

F250GTO disse...

Fazer o que né? Falar mal de Ferrari é o tesão dos inconformados, invejosos, mal amados, insatisfeitos sexuais e outros párias da sociedade...
FERRARI É FERRARI, o resto, é o resto do resto, restolho do restolhão...

JackSpeed disse...

restolho do restolhão foi boa.mas fala serio,falar da Rossa dá ibope né mas quem liga?só alguns tontos que na verdade são ferraristas frustrados que descontam a frustração falando mal,tipo o cara que não pega a gata do bairro e xinga ela de cachorra.

smusp disse...

Como esse babaca desse programa fala bobagem...

smusp disse...

S65AMG 0-100: 4,4s
F430 0-100: 3,5 ~ 3,7s

Se reparar direito, a F430 sai com o motor em marcha lenta. A S65 sai com o motor cheio e com o conversor carregado, tanto que tira fumaça do pneu, mas a edição não mostra isso claramente. Não existe a menor possibilidade da barcona levar a F430. Não que 4,4s numa prova de 0-100 não seja absolutamente admirável pra um navio daquele, mas "mostrar" que uma S65 leva uma F430 é até falta de responsabilidade. Nunca engoli esse programa por que sempre o achei muito ruim, tanto como entretenimento, tanto como informativo. Mas agora passou dos limites do ruim...

911 turbo disse...

Ao Smusp....nao tem como a Ferrari sair "vazia" e a Mercca cheia....o motor V12 se carregar no freio ele empurra de qualquer jeito o carro para frente....

So que a "barca" tem so 102 kgmf de torque e o caiaque vermelho somente a metade...alias,nem chega...

Foi so uma retaliacao de 127 de arrancada versus 911 Turbo de post anterior....so que um 911 Turbo de 12 anos atras faz de 0 a 100 em 3,7 segundos tambem....scusi tifosi...

E mais,te provo por a+b que nao precisa ser um V12 biturbo nao...uma "mera" C63 AMG ja faz o servico....temos comparsas aqui que comprovam o fato...

E mais,os poneis vermelhos aqui no Brasil perdem uns 30 cv com o remapeamento "brasil"...se nao nem partida dao.

911 Turbo disse...

E quero ver mais argumentos por favor....this is german engenierring.....

Esses ai em cima de pau pequeno,de nao pegar mulher nao me convenceram.

Vamos la,procurem mais....

JackSpeed disse...

os caras levam a serio mesmo...e alguem tem que convencer ninguem de nada...cada uma...

Genarino disse...

Bambino, attenzione a dove si cammina!

smusp disse...

911, mesmo se grudar o pé no tapete da S65, estando ela freada, ela limita a aceleração e não sai do lugar.
A Meca faz 4,4s no 0-100, a F430 faz 3,7s. Com 30 cvs a menos, vá-lá, 3,9s.
Não tem perigo do navio sair na frente da 430. Só encher um pouquinho o motor da rossa que ela pula na frente. Fica muito claro no vídeo que a F saiu vazia, só ver o movimento dos escapes em relação ao carro no momento que ela sai. O motor tava tão "solto" que nem os coxins tavam trabalhando, enquanto a S tira fumaça dos pneus.
E a conta de torque x peso é muito falha, pois não leva em consideração as relações de marcha nem diâmetros de pneu. A conta mais certa é potência x peso mesmo, embora estejamos falando de aceleração e não velocidade final. Se fosse assim, um Scania 124H deveria acelerar mais que um Mille, e não é isso que acontece.

E se quiserem botar fogo na briga com a engenharia germânica, solta um Nissan GT-R. Custa um terço do 911, espanca o alemãozinho no 0-100. Já andei nos dois, sei do que tô falando.

E não tenho absolutamente nada contra a engenharia germânica. Sou profundo admirador deles. 4,4s num navio daquele é muito, muito bom. Mas não é melhor que uma F430. Só isso...

Pablo

911 turbo disse...

O problema do Nissan GTR é esse...não tem carisma nenhum...

JackSpeed disse...

smusp dando aula ao 911,o cara já andou nos carros e ponto final,boa pablo,humilhou.e falando em carisma um porsche não tem e nem terá um terço do carisma de qualquer Ferrari!é só ver os valores que as rossas atingem em leilões...os alemãos são feras na engenharia e todo mundo sabe disso,na segunda guerra os caras deram show nos equipamentos incluisive criando a propulsão a jato mas nem por isso serão superiores,vide o tal nissan que é perfeito.e pra que nissan para dar pau em porsche?olha um post abaixo,basta um Fiat 147 problemas.

JackSpeed disse...

hehe,"alemãos" foi soda,sorry guys,esse teclado...mas que o 911 teve que ficar calado ah teve.

Anônimo disse...

Estorias do Brasil...Conto mcomo me contaram na eopoca.

Consta que por volta de 1971/72 tinha um casal de isodos em SP que tinha uma Mercedes 500 S 6.3 automatica, que servia a eles guiada por um motorista particular de confiança.
Mas, as vez,altas horas danoite, este moriirsta dava um jeitinho de ir disputar uns pegas de arrancada que rolavam emSP, acho que lá pela 9 de julho. E ganhava todas !!!!

Nesta epoca o carioca Benjamim Rangel estava com um Porsche Carrera 2,7 serado, acabado de chegar no país, encomendado para ele. Um foguete para a ocasião.

A tal
Mercedes foi colocada a venda e o Biju (Benjamim) ficou sabendo e Fomprou o carro. Foi a SP buscar com o Porsche, e levou junto o Zé Maria Ferreira, o Giu. Na volta, na Dutra, resolveram adr uma aceleradinha, de 100 pra cima, o Biju com a Mercedes e o Giu com o Porsche. e a Mercedes andava na frente. O Biju teria ficado puto da cara, disse que o Giu não tava acelaerando o Carrera, e trocaram de lugar. Tentaram de novo, e denovo, entre 100 e 200, a Mercedes levou todas !!!

Corolario: embora eu seja francamente pelos carros europeus, numa coisa os americanos tem razão: em linha reta, contra polegadas cubicas, não há doutor que de jeito.

Antonio

PS - Seria legal se o Biju aparecesse pra confir ou negar essa lenda...já que o giu não está mais aqui conosco há muito tempo.

911 Turbo disse...

Ta bom Jackspeed.....faz de conta que eu NUNCA andei de nada entao....eu sou "o" no cego daqui....

Ao anonimo...so falo o seguinte....em 71 ou 72 nao tinha 911 2.7 quanto menos Mercedes 450 Sel 6.9....

Vamos la....vamos melhorar....eu espero...

smusp disse...

De 1968 até 1972 existia o Mercedes 300SEL 6.3, que em sua época acelerava mais rápido que o 911 S e a Ferrari 330 GTC. O 450SEL, que usava o mesmo bloco, veio em 1975. Em 1972 o Porsche 911S era 2.4l, com injeção mecânica Bosch, injeção essa que tive o prazer de recondicionar para um colecionador de Campinas, trocando a lâmina de inox que separava as câmaras de injeção do corpo principal.
Em Lindóia, no evento de antigos, vez por outra aparece uma 300SEL 6.3, prata, lindíssima...

Pablo

Anônimo disse...

Ao 911 Turbo e ao Smusp

Obrigado pela correção, smusp, a Mercedes era mesmo uma 300 SEL 6.3,perfeito o comentário !!!!
É que a memoria do velho aqui anda falhando, aos 55 anos ...

Quanto ao comentário do 911 turbo, sugiro checar os dados nas fontes (agora eu fiz...) posso te confirmarmque o carro era um Carrera RS 2,7 litros 1972, com aquele aerofolio tipo rabo de pato E foi o ano de lançamento do motor 2.7 l

Antonio