sábado, 28 de fevereiro de 2009

E DENTRO DO BOLINHO ELE ENCONTROU O QUÊ ?


Sabe aquele seu amigo que viaja todo ano para uma pescaria no Pantanal e sempre volta contando que pescou um tucunaré de 10 toneladas? Ele não é páreo para Glen Kerley.
De acordo com o jornal britânico "The Sun", este pescador britânico afirma que encontrou um celular dentro de um bacalhau de oito quilos.E mais: tirou o chip de dentro do celular, colocou em outro aparelho e conseguiu encontrar o dono. E não é só isso (já está parecendo comercial de televisão): depois de secar o aparelho - este cara deve ter lido as dicas de alta tecnologia dos COMPARSAS - o telefone voltou a funcionar!Andrew Cheatle perdeu seu celular no mar, quando o aparelho caiu de seu bolso. Quando estava em uma loja, comprando um novo telefone, sua namorada recebeu uma chamada."Um cara começou a falar que tinha encontrado meu celular dentro de um peixe. Eu não acreditei, até que o encontrei", contou Andrew.O pescador Glen Kerley explica que é comum achar objetos estranhos dentro de bacalhaus. "Já encontrei copos, pedras, colheres, baterias e até um dente falso. Eles comem de tudo."Para dar um pouco mais de realismo à história, Andrew disse que precisou trocar uma placa eletrônica de seu celular. "Mas voltei a usá-lo", frisou. Com as brejas aí embaixo é uma bela dica, não é (refiro-me aos bolinhos, o celular você usa para chamar a lindinha, seu tonto)?
E aí, qual foi o objeto mais inesperado que você encontrou, e onde foi?

4 comentários:

Pé de Chumbo disse...

Vou pegar as brejas aí de baixo, pegar o bacalhau deste post e fazer uns bolinhos.
Tem coisa melhor que breja com bolinho de bacalhau e uma bella donna do lado?
Mas BAH! TCHÊ....

regi nat rock disse...

Em Paranatinga (MT), certa vez 85/86 por aí, eu estava com um Voyage novinho que despertou alguma inveja ao pessoal de lá, que não conheciam ainda o carro pessoalmente.
Fui dormir, carro na rua e roubaram a placa. Até aí, paciencia, acontece. No dia seguinte, já de tardezinha, estava tomando um sorvete na calçada e o filho de um amigo foi jogar os potes vazios num latão de lixo e encontrou a dita cuja, quebrada em tres pedaços. Quando lembro disso, continuo com a risada, guargalhadas gerais na verdade, daquele fim de tarde domingueiro, num lugarzinho pra lá do fim do mundo.
Duro foi ter que explicar a Policia rodoviaria, o PORQUE, da placa estar remendada com rebites.

Mas pegar o bacalhau, fazer um bolinho 'daqueles', olha que sou até capaz de aceitar um copo da cerva...

jonny disse...

Taí, uma das 3 coisas mais raras de se ver na vida: Cabeça de Bacalhau, enterro de anão e ex-viado, huahuahaua...

F250GTO disse...

Jonny, só me exprica uma coisa:
Pra modiquê um peixe sem cabeça precisa de um celular?